Blog / Jornal e Revista Digital / Fotojornalismo e recursos visuais: o poder da imagem nos meios digitais

Fotojornalismo e recursos visuais: o poder da imagem nos meios digitais

Nos meios de comunicação, em geral, a fotografia é um dos artifícios de representação visual mais utilizado. Devido à sua capacidade de representar fatos e acontecidos, essa ferramenta é amplamente usada pelos jornais online, sob a denominação de fotojornalismo.

Com o avanço tecnológico, novos recursos visuais surgiram para tornar os textos ainda mais dinâmicos e interativos para os leitores. As fotografias, ilustrações, vídeos, infográficos e charges são mais do que simples elementos visuais que complementam os textos.

Mas para que servem o fotojornalismo e os recursos visuais em um texto jornalístico? Confira, a seguir, o papel dessas ferramentas e, também, a sua importância para a construção de notícias em um jornal online.

O papel do fotojornalismo e recursos visuais

A princípio, os jornais online ainda estavam presos aos velhos processos de reprodução da informação jornalística, seguindo os mesmos moldes dos veículos impressos, com textos e imagens — principalmente fotografias. Porém, o uso de fotografias ganhou um novo sentido e tornou-se visualmente mais relevante.

O fotojornalismo funciona como um elo entre o fato narrado e o leitor, permitindo a ele imaginar e compreender o cenário que está sendo descrito. Dessa forma, as imagens assumem diversas funções como confirmar, interpretar, documentar, ilustrar, descrever, registrar, representar e contextualizar fatos do cotidiano e de assuntos de interesse jornalístico.

Com o tempo, diversas possibilidades visuais foram inclusas nos textos jornalísticos, como vídeos, animações de imagens, infográficos, gráficos e diagramas. Esse tipo de linguagem informativa permite ao leitor visualizar informações mais complexas de maneira mais simples e dinâmica para que elas sejam melhor absorvidas. Sendo assim, o papel dos recursos visuais é explicar, descrever e representar a notícia ou texto.

A importância do conteúdo visual no jornalismo online

O cérebro recebe cerca de 90% de informação visual, sendo que ela é processada mais rapidamente do que textos simples. Ao mesmo tempo, 40% das pessoas respondem melhor a informações visuais do que textuais. Por exemplo, posts com vídeo tendem a atrair 3 vezes mais os usuários e mantê-los atentos por mais tempo em uma página na web.

Assim sendo, tanto o fotojornalismo quanto os recursos visuais servem para:

  • dar ao leitor uma melhor percepção dos fatos narrados com a ajuda da representação imagética;
  • transmitir conhecimento e reflexão;
  • organizar a informação de maneira mais dinâmica;
  • orientar o leitor virtual;
  • chamar a atenção para dados importantes;
  • fazer um convite atrativo para a leitura;
  • acionar os mecanismos de emoção.

Isso permite que os usuários tenham um envolvimento maior com o jornal, aumentando o tráfego na página e melhorando seu posicionamento em sites de buscas. Portanto, o conteúdo visual deve:

  • ser coerente com o texto;
  • ter tamanho compatível com a mensagem;
  • ter uma boa qualidade;
  • dar créditos ao produtor do conteúdo;
  • ser inédito ou de banco de dados confiáveis;
  • contar com uma equipe preparada e qualificada.

A internet desafiou a linguagem tradicional do jornal impresso e apresentou várias possibilidades de expressão e apresentação da abordagem dada aos fatos. Também permitiu aos meios de comunicação novas maneiras de interações sociais com o público por meio do fotojornalismo e de outros recursos visuais.

Essa necessidade surgiu devido à mudança de comportamento do leitor no ambiente online e os jornais que não se adaptarem a esse cenário podem perder relevância. Quer entender melhor sobre isso? Então acesse o link e descubra como os jovens estão modificando o consumo de informação. Boa leitura!

Cadastre-se para receber conteúdo em primeira mão!