Blog / Publicação Digital / A evolução do anúncio classificado

A evolução do anúncio classificado

Desde os primórdios da humanidade, sempre houve alguém procurando por algo que outra pessoa queria trocar ou vender. Com a evolução da atividade econômica e a especialização técnica, esse escopo foi ampliado, incluindo a prestação de serviços. 

Na Idade Média, quando o mercantilismo começou a tomar corpo, eram comuns as feiras medievais, onde os mercadores se reuniam para vender seus produtos. E podemos até mesmo dizer que eles foram os precursores dos atuais shopping centers e dos marketplaces, que oferecerem vitrine para diversos comerciantes, como se todos estivessem expondo seus produtos e serviços em uma grande feira ou shopping. 

A essência do comércio é a troca, que surgiu no seio da sociedade agrícola, como forma de transformar a produção excedente em benefícios para a família e para a comunidade. No início trocava-se o excedente pelo excedente de outros produtores, multiplicando benefícios. Então surgiu o artesanato, as especializações, as pedras preciosas e, finalmente, o dinheiro, que é a base do sistema de trocas até hoje. 

No final do século XVIII, a Europa começou a experimentar um novo fenômeno, que foi a automação industrial. A revolução industrial começaria a alterar significativamente as estruturas sociais, com a indústria a produção se multiplicou, assim como os postos de trabalho, a renda e a demanda por novos produtos.  

Essa corrida gerou o que conhecemos hoje como “concorrência”, dentro de uma estrutura de mercado as empresas concorrem entre si pela preferência do consumidor, pelos melhores fornecedores e colaboradores. 

E foi nesse ambiente de concorrência, que passou a ser fator chave para o sucesso as empresas chamarem atenção para si. Na segunda metade do século XX, as empresas gastavam fortunas com equipes de venda e publicidade, garantindo o crescimento e proliferação das mídias eletrônicas. 

Anúncio classificado

Antigamente e mesmo após a disseminação das mídias eletrônicas, a mídia impressa já era muito popular. E quando falamos em mídia impressa estamos nos referindo aos jornais e revistas que até hoje são muito populares. Essas mídias sobreviviam de duas fontes principais de renda: venda de exemplares e anunciantes. 

Os anunciantes são aqueles que precisam anunciar algo. Empresas que querem vender seus produtos ou oferecer seus serviços. Como por exemplo, construtoras que querem anunciar seus empreendimentos, empresas que querem fortalecer suas marcas. Todas essas necessidades cabem nos espaços de propaganda dos jornais, revistas e, claro, TV, rádio e internet. 

anúncio classificado usa de elementos da publicidade para ser mais atraente. Os classificados do jornal são assim chamados porque extrapolam essa temática comercial. Nos classificados, por um preço bem mais em conta, e às vezes até de graça, é possível que uma pessoa comum anuncie algo que queira vender. Por estar dividida em seções, a página de classificados está estruturada de forma que as pessoas que procuram por um produto ou serviço específico encontrem aquelas que estão oferecendo o que elas buscam. 

É muito comum, também, vermos agências de emprego procurando profissionais para vagas de trabalho, assim como pessoas e imobiliárias anunciando moradias para alugar nos classificados.

Assim como os jornais impressos migraram seus conteúdos para as plataformas digitais, os anúncios classificados também acompanharam essa tendência, permitindo acesso aos pequenos e médios comerciantes, além dos prestadores de serviços, que precisam divulgar seu trabalho, mas não possuíam capital para investir em grandes veículos de mídia.

Atualmente, existem aplicativos e plataformas que ajudam no empoderamento para que esses pequenos e médios empreendedores possam colocar à disposição seus serviços para um público maior. Dessa forma, é possível criar novas conexões entre quem tem serviços a oferecer e quem procura soluções. 

Isso contribui para que um número cada vez mais expressivo de clientes tenham acesso a profissionais de diversas áreas, possam cotar preços e encontrar a oportunidade ideal para poder anunciar seus produtos ou serviços. 

A Maven hoje possui um módulo de Classificados disponível, caso queira saber mais sobre essa novidade e como integrá-lo ao seu portal, entre em contato com o nosso time comercial ou acesse o material que disponibilizamos sobre o módulo pra saber um pouco mais. 

Cadastre-se para receber conteúdo em primeira mão!